sábado, 20 de setembro de 2014

PF prende homem com 52 quilos de drogas em Mossoró, RN

Paraibano de 50 anos estava a droga escondida em caminhonete.
Foram apreendidos 42 quilos de maconha, 8 de crack e 2 de cocaína.
Do G1 RN
Droga estava escondida em caminhonete e foi apreendida pela PF (Foto: Marcelino Neto/G1)

A Polícia Federal do Rio Grande do Norte prendeu um homem na tarde deste sábado (20) com 52 quilos de drogas na cidade de Mossoró, região Oeste do estado. Um paraibano de 50 anos estava com a droga escondida em uma caminhonete F-1000. Ao todo, foram apreendidos 42 quilos de maconha, 8 quilos de crack e 2 quilos de cocaína.

Além da droga, a PF apreendeu uma pistola calibre 380 com 50 munições. De acordo com a polícia, o homem é natural de São Bento, na Paraíba, onde trabalha como vendedor de redes. Ele foi parado durante uma abordagem de rotina na RN 015.

Segundo a PF, ao ser abordado o paraibano ficou nervoso, o que chamou a atenção dos policiais. O homem preso disse que trazia a droga do Piauí e a entregaria na cidade de São Bento.

O paraibano será encaminhado para a cadeia pública de Mossoró, onde ficará à disposição da Justiça.

Prefeito do PMDB: “Tirar dinheiro para dar a um magote de cabras sem vergonha?”

Kerginaldo Pinto ao lado de Henrique nesta eleição: “Vou gastar dinheiro na nossa campanha, mas na desses cabas não”

Está circulando em Macau os áudios do prefeito da cidade, Kerginaldo Pinto, do PMDB, afirmando que não trabalhará para eleger ninguém no pleito deste ano e, tampouco, utilizará a máquina pública municipal na eleição, dando a entender que isso já foi feito antes e deverá ser usada na eleição municipal. Kerginaldo apoia, neste pleito, o candidato ao Governo, Henrique Eduardo Alves, também do PMDB, e a vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria, candidata ao Senado Federal.

“Sacrificar o governo, tirar dinheiro, para dar para um magote de cabras sem vergonhas?”, aparece Kerginaldo Pinto falando no áudio que teria sido gravado em uma reunião com vereadores. Na declaração, inclusive, ao falar “Governo”, o prefeito se refere a gestão municipal e dá a entender que a utilização da máquina pública já teria sido feita em outros pleitos. Vale lembrar que ele foi eleito sendo o candidato do ex-prefeito Flávio Veras, numa eleição onde ocorreram várias denúncias de utilização da máquina pública.

Após a pergunta de Kerginaldo Pinto, uma voz feminina aparece ao fundo comentando “besta você se der” e, então, o prefeito confessa: “eu não dou não. O candidato do prefeito perdeu? Pode perder de ruma. Eu ir para rua para pedir voto para governador, para deputado, para senador, gastando o que não tenho? Vou gastar o dinheiro na nossa (campanha). Mas na desses cabas não”.

Em outro áudio, que teria sido gravado na mesma reunião, Kerginaldo Pinto afirma: “Não adianta a gente morrer por esses filhos da p*. Não adianta. No próximo ano a gente não tem compromisso com ninguém”. O áudio, que circula pelo aplicativo de mensagens Whatsap, já foi até colocado em carros de som da cidade.

O fato é que, no dia 31 de agosto, Kerginaldo Pinto e o ex-prefeito aliado a ele, Flávio Veras, receberam em Macau o peemedebista Henrique Eduardo Alves e a peessebista Wilma de Faria e elogiaram os dois em comício e discurso. “Henrique está aqui diante dos macauenses como nosso candidato a governador porque sempre soube honrar os compromissos, tem serviços prestados e trabalhou muito por Macau”, afirmou Flávio Veras.

Kerginaldo, além de elogiar, pediu uma atenção maior do futuro governador para a área da Segurança Pública. Reclamou que não recebe qualquer apoio do governo estadual e que a Prefeitura tem sido obrigada a custear as diárias operacionais, a alimentação e até o quartel da Companhia de Polícia Militar existente no município. “É dinheiro que poderia estar sendo empregado na Saúde”, observou o prefeito.

Em Macau, Henrique e Wilma contam com o apoio de dez de um total de 11 vereadores: Oscar Paulino (presidente da Câmara), Emanoel Galdino, Fátima Jácome, João Fonseca, Geruza Fonseca, Sargento Dantas, Francisco Batista Bezerra, o Champirra, Francisco Pereira, o Lampião, Andrew Leite e Ely Montador.
Fonte: Jornal de Hoje

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

ABSURDO!!! PISTOLA, MUNIÇÃO, FACAS E CELULARES SÃO APREENDIDOS DURANTE VISTORIA NA CADEIA PÚBLICA DE JAGUARUANA.



Nesta quarta-feira, 17, por volta das 19h00, policiais do Cotar, Coordenador de Policiamento do 1º BPM Cap. Menezes e seus comandados acompanhado do agente prisional Océlio realizaram vistoria na Cadeia Pública da Cidade de Jaguaruana.
Durante a realização da minuciosa vistoria, foi encontrado os seguintes materiais: 12 (doze) aparelhos de Celulares; 12 (doze) facas; 05 (cinco) cossocos; 03 (três) barras de ferro; 05 (cinco) carregadores para aparelhos de celular; 02 (dois) chips; 01 (uma) serra; 02 (duas) tesouras; 02 (duas) colheres de metal (aço inox); 03 (três) pen drives; 01 (um) unhex; 01 (um) cachimbo para o consumo de crack; 30g de crack e 01 (uma) Pistola da marca Taurus Cal. 6,35 mm, n° 66803, com um carregador e 13 (treze) cartuchos intactos.


Via Russas News

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

NOTÍCIAS SOBRE O REAJUSTE: Aumento de 6% consta implantado sem atualização de níveis

Fonte: Glaucia Paiva


Próximo ao final do mês de setembro, data da primeira parcela do reajuste concedido pelo Governo do Estado, a indagação sobre a efetivação do aumento torna-se uma pergunta constante.

Nesta semana, foi constatado a implantação do reajuste de 6% no contracheque dos policiais militares do RN; contudo, não houve a atualização dos níveis remuneratórios nem de diferença de subsídio de PM’s promovidos.

“Uma vergonha! Mais de um ano que fomos promovidos e nem com a concessão de um reajuste o Governo nos concede o subsídio devido da nossa promoção”, disse um dos policiais que foi promovido para Sargento Especialista, mas ainda continua recebendo o subsídio de Soldado PM.

Também os níveis remuneratórios não foram implantados com a devida atualização. Em julho, o blog denunciou que o Governo do Estado já havia se apropriado indevidamente de mais de R$ 500 mil referente à diferença dos níveis da turma de Soldados de 2004. O cálculo foi feito apenas com base no número de PM’s da turma de 2004, entretanto, a apropriação indevida pelo Estado do subsídio dos policiais é bem superior haja vista muitos PM’s encontrarem-se em níveis remuneratórios inferior ao que de fato tem direito.

“O Governo mostra um verdadeiro descaso para conosco se apropriando do nosso salário”, declarou um PM.

Convite Missa de 30º Dia

Diocese comunica e lamenta falecimento de sacerdote

A Diocese de Mossoró comunica e lamenta o falecimento do padre salesiano, Luiz Sampaio do Rego, 76 anos, nesta quarta-feira, dia 17, às 20:30 horas, no hospital de Barbalha, no Ceará. Padre Luiz sofreu um infarto. A Diocese se une em oração aos familiares e amigos rogando ao Pai que o receba e acolha.

Padre Luiz: vida sacerdotal longa

Ele nasceu no dia 10 de agosto de 1938, na cidade de Pau dos Ferros-RN. Era filho de Raimundo Francisco Sampaio e Antônia Guedes do Rego. Foi ordenado no dia 09 de junho de 1990, na cidade de Encanto-RN.

Ao longo dos anos de seu ministério sacerdotal passou pelas Paróquias: Pau dos Ferros-RN, Juazeiro do Norte-CE, Areia Branca-RN, Natal-RN e Juazeiro-CE.

O velório será nesta sexta-feira (19), a partir das 5h, na Capela Dom Bosco, bairro Frei Damião, Pau dos Ferros- RN.

Dia 19 (sexta-feira)

5h- Velório Capela Dom Bosco, bairro Frei Damião, Pau dos Ferros-RN.

14h- Translado para Matriz de Pau dos Ferros-RN

16h- Missa de Corpo Presente presidida pelo Vigário Geral Padre Flávio Augusto Forte Melo e concelebrada por padres da Diocese de Mossoró.

17h – Saída para Sepultamento – Cemitério São Manoel em Pau dos Ferros- RN.
Fonte: Blog Carlos Santos

Rapidinhas, Políticos estão com nervos a flor da pele em Francisco Dantas.

Segundo informações de populares uma discussão entre o prefeito interino Wandeiton Bezerra e  Tonhilton Gama ex secretário na administração de Gilson Dias, chamou atenção dos moradores da cidade,o motivo da discussão teria sido propagandas de candidatos defendidos por eles.