sábado, 29 de junho de 2013

Marketing multinível não é crime, diz especialista

multinivel

O site Consultor Jurídico noticiou que, apesar da desinformação e da reputação negativa, é necessário reconhecer que o chamado marketing multinível não é uma prática ilegal. A observação é da advogada Sylvia Urquiza, especialista em Direito Penal Empresarial do escritório Urquiza, Pimentel e Fonti Advogados.

Urquiza observa que é necessário não confundir marketing multinível com o crime que é conhecido, no mercado, como pirâmide financeira. O primeiro é um modelo de negócios que premia com bônus agentes que ajudam a promover certos bens de consumo e serviços, em alternativa aos investimentos tradicionais em publicidade.

A advogada lembra que, enquanto o primeiro “não configura ilícito penal por si só”, as práticas de pirâmide financeira são crime e podem ser disfarçadas de marketing multinível. Também conhecido como marketing em rede, o “multinível” estabelece um modelo de negócios baseado no recrutamento de agentes ou “distribuidores”, que, além de indicarem produtos, podem ainda sugerir outros distribuidores, criando assim um sistema de escoamento de produtos e negócios.
Fonte: Robson Pires

APRAM FISCALIZA CONDIÇÕES DE TRABALHO DOS PMs NAS FESTAS JUNINAS

A Associação de Praças de Mossoró e Região (APRAM) representada por seu presidente, juntamente com o Vereador Soldado Jadson e com representantes da comissão de direitos humanos da OAB, fiscalizaram as condições de trabalho dos policiais e bombeiros militares empregados no evento. 

Na oportunidade os representantes citados mantiveram contato com vários militares percorrendo as várias barreiras no entorno da Estação das Artes. Foi verificado a existência de local destinado para o descanso e refeições dos militares. 

No entanto, a insatisfação é geral devido o contexto que envolve o serviço extra onde os profissionais cumprem escalas compulsórias além de não saberem quando irão receber suas diárias operacionais. "Somos desrespeitados duas vezes. Estamos cansados pela sobrecarga e chateados por não termos previsão de receber esse extra, um absurdo", esbravejou um policial. 

O presidente da APRAM, Soldado Tony Nascimento, afirmou que a entidade está atenta a todo esse cenário e continuará denunciando e cobrando as soluções pertinentes a cada problema. Nos próximos dias a diretoria estará reunida mais uma vez com a comissão de direitos humanos da OAB tratando especificamente da carga horária de trabalho imposta aos militares estaduais. "O trabalho excessivo é um problema tem ocasionado diversos males aos nossos profissionais. Planejamos lançar em breve uma campanha em favor de uma jornada de trabalho HUMANIZADA para todos os militares do Rio Grande do Norte", explica o Soldado Tony.

APRAM: Defendendo quem defende!

Foto antes do jogo do Brasil em Fortaleza mostra o abismo social no país

foto fortaleza
O fotógrafo Edimar Soares, do jornal O POVO, clicou esse momento emblemático durante um jogo do Brasil em Fortaleza. A imagem mostra torcedores animados antes da partida e uma moça catando comida no lixo.

Um choque de realidade para expor, sem censura, o abismo que existe no País – que torneio algum vai ajudar a diminuir. “Esse é o legado que a Copa das Confederações deixa para algumas pessoas, uma cena humilhante”, escreveu o fotógrafo em seu perfil no Facebook.
Fonte: Robson Pires

Cabo da PM mata suspeito de molestar sua filha na cidade de Ipueira


Um fato trágico marcou e assustou os moradores da pequena cidade de Ipueira (RN) nas primeiras horas deste sábado (29). Um crime de homicídio ao que tudo indica motivado pela defesa da honra, acordou toda a comunidade e trouxe a tona uma história terrível.

Segundo as primeiras informações o Cabo da PM conhecido como Santos, residente na cidade e destacado em Timbaúba dos Batistas (RN), teria descoberto que um indivíduo da cidade, por sinal seu amigo, que tem o apelido de João da Perua, molestava sua filha desde quando a mesma tinha 10 anos (hoje a garota já tem 13).

Enfurecido com a descoberta desta triste notícia, por volta da meia noite desta sexta-feira o cabo foi até a residência do seu “amigo” e sem muita conversa deferiu alguns disparos de arma de fogo contra o mesmo, que inclusive estava deitado dormindo.

João da Perua foi socorrido para a cidade de Patos na Paraíba, onde foi atendido no Hospital daquela cidade mas não resistiu aos ferimentos vindo a morrer na manhã deste sábado. Segundo testemunhas durante seu socorrimento ele conversou com populares e a todo momento negava que teria praticado o fato contra a filha do militar.

Cabo Santos se entregou prontamente a policia local, sendo conduzido para delegacia de policia civil onde foi feito o flagrante, comunicado ao oficial de dia do 6º BPM que conduziu o mesmo para a sede do batalhão da PM onde se encontra nesse momento recolhido a disposição da justiça da comarca de Caicó.

Fonte: Blog do Niltinho Ferreira
Via  Robson Pires

História de Valdetário Carneiro é tema de livro-reportagem em TCC na UFRN.


Valdetário Benevides, o 'Valdetário Carneiro', ganhou notoriedade pelos crimes que cometeu (Foto: Dudé Viana/Acervo da Família)

Val, como era conhecido, foi morto em 2003 em confronto com a polícia. Nos anos de 1990, foi um dos assaltantes mais procurados do Nordeste.


A história do mecânico de automóveis José Valdetário Benevides, o 'Valdetário Carneiro', que nos anos de 1990 e início dos anos 2000 se tornou um dos assaltantes de banco mais perigosos do Nordeste, e que foi morto em confronto com a polícia em dezembro de 2003, foi transformada em livro-reportagem por dois alunos do curso de Jornalismo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). O trabalho foi aprovado com a nota máxima nesta sexta-feira (28).


Paulo Nascimento e Rafael Barbosa apresentaram "Valdetário Carneiro: a essência da bala" como Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). Além de traçar o caminho do mecânico, nascido na cidade de Caraúbas (no Oeste do estado) em 1959, a obra também inclui um breve capítulo sobre a história de parte da família Benevides Carneiro, em especial os primos de Valdetário, que também foi envolvida com o crime.


"Buscamos contar através do livro a história do homem Valdetário, que é desconhecido do grande público, mostrando o que está por trás do mito criado tanto pela população como por parte da mídia na época", afirmou Rafael Barbosa.


José Valdetário, como conta o livro-reportagem, participou de uma série de assaltos a bancos em vários estados do Nordeste durante o fim da década de 1990 e o início dos anos 2000. Ele também orquestrou homicídios contra inimigos políticos de sua família, em especial integrantes da família Simião Pereira, como os médicos e irmãos João e Aguinaldo Pereira.


Ele ainda participou da segunda maior fuga da história da Penitenciária de Alcaçuz, quando em novembro de 2000 foi resgatado, junto com outros 29 homens, por integrantes de sua quadrilha. Os homens neutralizaram a segurança da unidade prisional utilizando metralhadoras de uso exclusivo das Forças Armadas. O trabalho ainda traz uma versão inédita da operação que resultou na morte do assaltante, no dia 10 de dezembro, em um sítio da zona rural de Lucrécia.


O plano dos dois alunos é de que o livro seja lançado, acrescido de mais informações, até o início do próximo ano, quando se terá completado dez anos da morte de Valdetário.


Túmulo de Valdetário Benevides, em Caraúbas, cidade onde nasceu (Foto: Anderson Barbosa/G1)

Por G1/RN
Via Sargento Andrade

PEC 300 também entra na pauta dos protestos

PEC 300 também entra na pauta dos protestos


PEC 300 também entra na pauta dos protestos por todo o Brasil; Major Fábio endossa avante

Policiais estão sendo convidados a participar dos protestos de forma ordeira e pacífica em vários estados


Na tribuna da Câmara o deputado federal, Major Fábio (DEM-PB), cobrou mais uma vez da presidente Dilma Rousseff o cumprimento da sua promessa de campanha sobre a criação do piso nacional salarial para os profissionais de segurança pública, a chamada PEC 300, que aguarda para ser votada em segundo turno.


O parlamentar disse que os recentes protestos por mais saúde, segurança e educação aumentaram a responsabilidade da Câmara com temas importantes, como a melhoria da remuneração de profissionais que contribuem para o desenvolvimento do país em atividades de ponta. “Os policiais militares, os policiais civis e bombeiros estão carregando, novamente, a revolta do povo brasileiro. Este país precisa de igualdade social, porque os nossos policiais, os nossos heróis sequer têm um piso nacional. Enquanto juízes, promotores, deputados recebem 26 mil reais (manifestação nas galerias), o policial militar no nosso país recebe R$ 2 mil reais”, desabafou o Major Fábio.


O deputado comentou a participação dos policiais e bombeiros nos protestos que estão acontecendo em várias capitais do Brasil. “Os policiais vão às ruas também. Os policiais vão erguer a bandeira da PEC 300. Em várias cidades os policiais estarão indo às ruas, de forma ordeira, de forma pacífica”, informou. Está programada a participação dos policiais nos protestos que serão realizados em Alagoas, Ceará, Espírito Santo e Paraíba.


O Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) vai realizar, nesta quinta-feira (27), mais um protesto em Maceió. No Ceará o presidente da Associação dos Cabos e Soldados Militares do Estado do Ceará (ACSMEC), Flávio Sabino, também convocou os policiais de todo o país para mudarem a imagem de truculência que estão sustentando. Segundo ele, 98% dos soldados são a favor das manifestações que se espalharam por todo o país, mas acabam sendo obrigados a oprimi-las por ordens superiores.


-Nós vamos cobrar desta Casa e vamos cobrar também da Presidenta da República. Ela prometeu a criação do piso nacional dos policiais. Está no seuprograma de governo a criação do piso nacional, mas, infelizmente, o governo, que tem maioria esmagadora nesta Casa, não deu ainda uma satisfação aos policiais brasileiros, questionou o Major Fábio.


Atualmente a base do governo é composta por 80% dos deputados e senadores. “A PEC 300 foi apensada a PEC 446 de autoria do presidente do Senado, Renan Calheiros, portanto faço um apelo ao senador que é o presidente do Congresso Nacional, para a urgente votação do segundo turno da proposta que aguarda desde 2009”, concluiu.


Redação com Assessoria

RN é o 2º que menos recaptura presos

Vinícius Menna - repórter

A cada dez presos que fogem do sistema prisional do Rio Grande do Norte, apenas dois são recapturados. Os dados fazem parte de relatório divulgado na quinta-feira pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Os dados foram colhidos entre março de 2012 e fevereiro de 2013 e têm por base inspeções do Ministério Público no sistema prisional brasileiro.

  Emanuel/Amaraldos 276 fugitivos entre 2012 e 2013 apenas 56 foram recapturados

De acordo com o relatório do CNMP, nas 26 unidades pesquisadas durante esse período, foram registradas 276 fugas com recaptura de apenas 56. Isso quer dizer que apenas 20,2% dos presos foram recapturados.

Entre os estados do Nordeste, a quantidade de recapturas do RN só perde para a Bahia, onde apenas 15,9% dos fugitivos foram recapturados. Nos vizinhos Ceará e Paraíba, foram recapturados 42,6% e 29,8% dos fugitivos, respectivamente.

Os dados do relatório do CNMP foram colhidos por promotores de Justiça e procuradores da República em 26 estabelecimentos prisionais, sendo cinco penitenciárias, 20 cadeias públicas e um hospital de custódia e tratamento psiquiátrico.

As penitenciárias avaliadas foram Dr. João Chaves, em Natal, Dr. Mário Negócio, em Mossoró, Alcaçuz, em Nízia Floresta, e ainda as Penitenciárias do Seridó, em Caicó, e de Pau dos Ferros. “Eu discordo desses números”, afirmou Júlio César de Queiroz, secretário estadual de Justiça e Cidadania. Ele argumenta que a Penitenciária de Alcaçuz, que registrava em anos passados fugas mensais e quinzenais já está há dez meses sem problemas do tipo.

Contudo, basta analisar o histórico das fugas registradas nas Penitenciárias, Cadeias Públicas e Centros de Detenção Provisória (CDPs) para observar que o Estado não tem obtido êxito na recaptura dos fugitivos. Em fuga ocorrida em Alcaçuz no dia 3 de agosto de 2012, data que integra os registros do relatório do CNMP, oito presos conseguiram escapar durante a noite, após um apagão. Durante os primeiros seis meses de 2012, Alcaçuz registrou seis fugas, quando 68 homens escaparam da unidade.

Em caso recente, do dia 11 deste mês, sete presos tentaram escapar do Presídio Provisório Raimundo Nonato Fernandes, na Zona Norte de Natal, durante a madrugada. Seis conseguiram e um morreu, após ser atingido por um disparo da guarda da unidade durante a ação. Apesar de cinco terem sido recapturados, um deles não foi encontrado. Também neste mês, no dia 13, oito homens escaparam do Centro de Detenção Provisória (CDP) da Ribeira, na Zona Leste da cidade, e apenas um deles foi recapturado. A fuga ocorreu por volta da meia noite e apenas um homem foi recapturado. 

Outro caso recente é do CDP de Candelária, de onde três fugitivos escaparam no dia 28 de abril. Eles não foram recapturados. O Centro de Detenção Provisória havia sido reaberto havia dois meses. 

O relatório do CNMP também levantou dados sobre superlotação, condições desumanas e assistência material. Constatou-se que em 20 unidades não existe camas para todos os presos. Em 21 unidades não existem colchões para todos. Não há material de higiene pessoal em 23 unidades. Além disso, em dois estabelecimentos, diz o relatório do CDMP, os presos não recebem atendimento médico emergencial. Presos de 18 unidades não contam com assistência jurídica gratuita e permanente.

Fonte: Tribuna do Norte

sexta-feira, 28 de junho de 2013

TRAGÉDIA!!! FILHO FAZ ROLETA RUSSA E MATA MÃE.
















Uma mulher morreu após ser atingida por um tiro no peito na noite deste sábado (11) em Montes Claros (MG). O autor do disparo, segundo a PM, é um menor de 16 anos que é filho da vítima. 

A família estava reunida na sala da casa quando o menor chegou com uma arma dizendo que iria fazer roleta-russa com a mãe, o que ocasionou o disparo que atingiu a vítima.

Iranir Aparecida Peres dos Santos foi socorrida e encaminhada ao hospital Santa Casa, mas não resistiu aos ferimentos.
Durante as buscas, a polícia encontrou um revólver calibre 38, com numeração raspada, com três cartuchos intactos e um deflagrado.

Ainda segundo a PM, o menor foi apreendido em fevereiro por tráfico de drogas.


Via NR Notícias

Pauferrense fica famoso na Copa das Confederações

Copa das Confederações: torcedor provoca Neymar com foto de Bruna Marquezine
O jovem Odontólogo Daniel, filho do casal Drª. Nadia Finizola e Dr. Pedro de Freitas, esta sendo cobiçado na internet após ter se destacado na TV Globo na Copa das Confederações no ultimo jogo na capital Fortaleza/CE.
Um torcedor resolveu provocar o jogador Neymar, na tarde desta quinta-feira, posando ao lado de uma imagem da namorada do craque, a atriz Bruna Marquezine. Bem-humorado, o rapaz mandou um recado para o atacante: ele escreveu a frase “Keep calm (Fique calmo), Neymar. Estou cuidando da Marquezine”, e colocou ao lado da foto da atriz. O flagra foi feito na Arena Castelão, em Fortaleza, durante a partida entre Itália e Espanha, nas semifinais da Copa das Confederações.
Neymar joga pela seleção brasileira, no próximo domingo, contra o time que vencer a disputa desta quinta-feira, na Arena.
Ainda não se sabe se a atriz acompanhará a disputa com o amado já que se encontra em ensaios para a "Dança dos Famosos".




Fonte: Blog Nossa Pau dos Ferros
Via João Moacir

CIÊNCIA NO SERTÃO: Arqueólogos vão pesquisar lagos no Vale do Jaguaribe



O estudo tem a meta de identificar a existência de animais gigantes no período Holoceno da história das civilizações
Limoeiro do Norte. Arqueólogos da Universidade Estadual do Ceará (Uece) assinam hoje à tarde convênio com a Prefeitura de Jaguaretama para realização de pesquisas no município. O projeto Lagos do Sertão, que tem a coordenação da doutora em Arqueologia e professora da universidade, Marcélia Marques, deverá iniciar as pesquisas de campo em novembro, após a autorização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).


O projeto foi lançado em 1993, iniciando pelos lagos do Sertão Central há três anos

Pela primeira vez, pesquisas nessa área científica chegam a Jaguaretama. A Uece vem realizando esse trabalho desde 1993 na região do Sertão Central, especialmente nos municípios de Quixadá e Quixeramobim. Em 2010, a pesquisadora, juntamente com uma equipe interdisciplinar, composta por professores de outras instituições de ensino e estudantes, desenvolveu o projeto "Caçadores-coletores do Holoceno no Sertão Central do Ceará, Nordeste do Brasil: processo de ocupação e contexto ambiental", para tentar reconstruir esta época histórica e identificar a existência de animais gigantes na região.

Fortes indícios

A expectativa agora é expandir as pesquisas para o Vale do Jaguaribe, iniciando pela cidade de Jaguaretama. Estudos preliminares mostram fortes indícios da existência de sítios arqueológicos em localidades próximas a leito de rios e lagoas.

Segundo Marcélia, a partir destes indícios será pesquisado sítios de arte rupestre, cultura material arqueológica e fósseis da megafauna pleistocênica - animais gigantes.

"O intuito é realizar escavações, fazer datações para identificar a cronologia da deposição dessa megafauna e constatar, ao mesmo tempo, se havia coexistência de animais gigantes com as populações humanas", afirma a arqueóloga.

Sobre os estudos de arte rupestre, a expectativa é reconhecer a técnica de elaboração das gravuras e o grau de intemperismo delas (estado de conservação). A pesquisadora ressalta que, pelo fato das pedras estarem no leito do riacho, não é possível resgatar algum material que possa ter sido utilizado pelas as populações e assim identificar a época em que as gravuras foram feitas.

"É muito complexo saber o tempo exato das gravuras em pedras, o que se tem delas é uma datação relativa quando se compara com o tipo de grafismo realizado com algum outro sítio que já tem apontado uma data neste sentido", explica Marcélia.

As pesquisas serão realizadas na Lagoa do Coronel, localizada próximo à comunidade Serrote do Mato, zona rural, distante cerca de 25km do Centro da Jaguaretama. Contará com a participação de professores pesquisadores e alunos da Uece, Universidade Federal do Ceará (UFC) e Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS). O projeto Lagos do Sertão está montado e deverá ser encaminhado ao Iphan nos próximos dias. "Estão sendo feitos estudos preliminares e pretendemos iniciar os trabalhos de campo em novembro. É o tempo que se espera que tenha havido a autorização", ressalta Marcélia.

A pesquisa contará com o apoio logístico da Prefeitura de Jaguaretama, no que compete à hospedagem dos pesquisadores no local.

Escritório de campo

"A prefeita Ila Pinheiro vai reformar uma escola desativada, que fica próxima da Lagoa do Coronel, para que a equipe de pesquisadores fique hospedada e que monte o escritório de campo. As pesquisas são desenvolvidas ao longo de alguns anos em missões anuais. Após a conclusão dos estudos a escola poderá retornar em boas condições à comunidade", ressalta Marcélia.

O convênio será assinado hoje, na Secretaria de Cultura de Jaguaretama. Na ocasião, haverá palestra sobre Arqueologia e uma explicação dos trabalhos que serão desenvolvidos na comunidade.

Uma das grandes preocupações de Marcélia é sobre a conservação deste patrimônio. A temática também será acordada junto à comunidade para preservação dos sítios.

Na região, populares têm descoberto na região indícios da existência de sítios arqueológicos. O Diário do Nordeste vem acompanhando as primeiras descobertas feitas por populares. Em matéria publicada em março deste ano, o funcionário público Mathusalem Maia denunciou a depredação de um possível sítio arqueológico de gravuras rupestres. A denúncia foi encaminhada ao Iphan e, em resposta, o Instituto informou que enviaria uma equipe para confirmar se a área se tratava mesmo de um sítio arqueológico, já que não havia registro do local no cadastro nacional.

Já no mês de abril, o Iphan confirmou a existência de sítios arqueológicos em localidades dos municípios de Jaguaribara e Alto Santo. As áreas sob o conhecimento do Instituto pertencem ao Patrimônio Histórico Nacional e, em qualquer violação dos locais, os responsáveis serão punidos. Para estudos e exploração dos locais, o Instituto deverá emitir autorização.

Objetivo

"O intuito é realizar escavações e constatar se havia coexistência de animais gigantes com as populações humanas"

Marcélia Marques
Professora de Arqueologia da Uece

Mais informações

Núcleo de Arqueologia e Semiótica (Narse), da Universidade Estadual do Ceará (Uece)
Professora Marcélia Marques

ELLEN FREITAS
COLABORADORA 
Fonte: Diário do Nordeste

AUDIÊNCIA PÚBLICA PRODUZ PAUTA REIVINDICANDO MAIORES INVESTIMENTOS NA SEGURANÇA DE MOSSORÓ


A Câmara de Mossoró realizou, nesta quarta (25), Audiência Pública para tratar da segurança pública da cidade. A iniciativa foi resultado de proposta do vereador Soldado Jadson (PT do B), aprovada pela Casa por unanimidade.

A Audiência contou com uma grande presença popular, além do comparecimento de diversas autoridades e especialistas da área da segurança, como o Comandante do Policiamento do Interior, Tenente-Coronel Lenildo Sena; Tony Magno, presidente da APRAM (Associação de Praças de Mossoró); Denis Carvalho, Delegado da Polícia Civil; Tenente-Coronel Alvibá Gomes, do 2º Batalhão de Polícia Militar; Dr. Paulo Cesário, representando a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil). Também compareceram policiais e agentes penitenciários que participavam de manifestação, os quais foram recebidos no plenário da Câmara.


Na Audiência foram discutidos os altos índices de violência em Mossoró nos últimos anos, apresentados por Soldado Jadson, que constatou na apuração dos dados que os índices da cidade são incompatíveis com o porte do município, principalmente em comparação aos números de cidades de dimensões similares. "Não vemos medidas concretas do governo do RN para sanar a situação”, afirmou o vereador.


O Soldado Jadson denunciou uma situação de descaso no tratamento do poder público reservado aos policiais, constituindo uma situação que se torna ainda mais delicada no interior. Neste cenário, o vereador afirma serem comuns situações em que faltam para a força policial itens básicos como alimentação e combustível para as viaturas, deixando a ação policial a mercê da ajuda dos prefeitos, o que acaba por municipalizar o serviço.


A necessidade de melhorar a situação profissional dos agentes da segurança pública marcou a tônica dos debates. Nessa direção, discutiu-se a diminuição da carga horária dos policiais, bem como a garantia de pagamento de seus vencimentos, de modo a motivar os profissionais por meio de sua valorização. Também foi apontada a urgência do aumento do efetivo da polícia civil e militar, através da nomeação de concursados. 


A falta de efetivo foi apontada como o principal problema das polícias civil e militar. Além disso, foram apresentadas as demandas pela realização de concursos para o ITEP e Corpo de Bombeiros. Outro ponto discutido na Audiência foi um possível retorno aos batalhões dos policiais que estão cedidos a outros órgãos públicos para o exercício de funções burocráticas, bem como a resolução da situação dos policiais que, por atualmente trabalharem no sistema penitenciário, se encontram em desvio de função. A realização de fóruns permanentes de discussão sobre a segurança pública, de modo a trazer a sociedade para a discussão do tema, figurou como uma das propostas veiculadas na Audiência.


O presidente da APRAM , Soldado Tony, pautou seu discurso na falta de assistência aos policiais apontando problemas como atraso no pagamento de diárias operacionais, lei de promoção, descumprimento dos níveis da lei do subsídio, inexistência de vale alimentação, falta de junta médica no interior, carga horária exaustiva e outros."Somos uma categoria com muitos problemas e isso tem gerado grande insatisfação e desmotivação aos nossos policiais. Apenas nesse primeiro semestre já atingimos o mesmo número de policiais que pediram licenciamento da corporação no ano passado todo. Espero que o governo reconheça a importância da categoria e promova as transformações que tanto necessitamos", afirmou o dirigente. 


Como resultado da Audiência Pública sobre a segurança, foi formulada uma pauta para ser entregue ao governo do estado e aos órgãos competentes, tratando das questões abordadas na ocasião.


Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Mossoró

 

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Martins-RN: Agência dos Correios foi assaltado na tarde de hoje

Por volta das 15:00 horas, dois homens usando capacetes com viseiras escuras e em uma motocicleta de cor verde, assaltaram os Correios da cidade de Martins-RN, no alto oeste potiguar. 

Segundo informações obtidas através do Gerente dos Correios, um dos elementos estava usando uma pequena espingarda parecida ser de fabricação caseira, e ao entrarem na agência, um deles pulou o balcão e esvaziou apenas as gavetas, não tendo tomado nada dos clientes, nem mesmo dos dois funcionários. 

Segundo informações da Polícia Militar, os dois elementos com certeza são residentes na cidade, pois no dia 21 de junho tomaram de assalto no campo de pouso do município, a motocicleta usada no assalto, a qual hoje foi abandonada dentro de um matagal nas proximidades da lagoa do Rosário. Segundo ainda o Comandante do Pelotão, existem suspeitas de quem sejam os elementos, e logo que a Polícia Civil se instale realmente em Martins, pois até agora não apareceu ninguém, então passará os nomes dos suspeitos ao Delegado para que sejam feitas as investigações.

Fonte Umarizal News

Adolescente acusado de participação na morte do Agente da penitenciaria Agrícola Mario Negocio, foi executado no bairro Santo Antônio em Mossoró.

97ª Morte violenta em Mossoró em 2013


Adolescente acusado de participação na morte do Agente da penitenciaria Agrícola Mario Negocio, foi executado no bairro Santo Antônio em Mossoró. A ação criminosa foi registrada pela Central de Operações da Policia Militar por volta de 21 horas e 30 minutos de quarta feira 26 de Junho de 2013.

Francinildo Júnior Lopes “Branquinho” 17 anos de idade, morador Decima Rosado, próximo ao supermercado Firmino no bairro Santo Antônio, foi alvejado com cerca de quatro disparos de arma de fogo e morreu no local antes do socorro medico.

Segundo informações, Branquinho se encontrava na rua Orlando Dantas, próximo a bueira, no Bairro Santo Antônio quando dois indivíduos de motocicleta efetuaram vários disparos. 

Branquinho era apontado como o principal suspeito de executar o agente penitenciário Ronilson Alves da Silva, assassinado a tiros, em Mossoró, na manhã de terça feira 25, no loteamento Santa Helena. A policia não confirma se há relação da morte do adolescente com o crime contra o agente penitenciário, já que Branquinho tinha outros envolvimentos no bairro.

Após a pericia no local do crime o corpo de Francinildo Júnior Lopes, “Branquinho” foi removido para a ser necropsiado na sede do Instituto Técnico e Cientifico de Policia, Itep.
Foto e Fonte: O Câmera
Outras fotos clique aqui

Três momentos dentro do cangaço

ReproduçãoLampeão: Sua História, de Érico de Almeida

A figura controversa do cangaceiro Virgolino ‘Lampião’ Ferreira, Virgolino (1898-1938) com “o” que é a maneira correta de grafar o nome verdadeiro do mais famoso e temido dos anti-heróis brasileiros de acordo com a página eletrônica (infonet.com.br/lampiao) mantida pela neta do cangaceiro Vera Ferreira, permeia os três novos lançamentos da Sebo Vermelho Edições agendados para este próximo sábado (29), das 9h às 12h, no próprio sebo na Av. Rio Branco – Centro. 

“Quem é quem no cangaço”, de Paulo Medeiros Gastão; “O Cabeleira”, de Franklin Távora; e “Lampeão – sua história”, primeira biografia sobre o cangaceiro escrita em 1926 pelo paraibano Érico de Almeida, fazem parte da Coleção João Nicodemos de Lima que chega ao volume 378. “É mais uma raridade da bibliografia do cangaço que o Sebo Vermelho reedita em edição fac-similar, para conhecimento das novas gerações”, comentou Abimael Silva sobre a biografia pioneira escrita mais de uma década antes da morte de Lampião (com “i”, segundo Vera Ferreira).

Escritor e jornalista, Érico de Almeida escreveu 14 capítulos sobre a presença de Lampião na Paraíba, Pernambuco, Ceará e Alagoas; sendo o último capítulo um depoimento do também cangaceiro Antônio Silvino (1875-1944) sobre Lampião.


ReproduçãoQuem É Quem No Cangaço, de Paulo Medeiros Gastão

Já “Quem é quem no cangaço”, do pernambucano Paulo Medeiros Gastão, 74, trata-se de uma obra referência que funciona como ponto de partida para quem quer conhecer a ‘literatura cangaceira’. O livro, originalmente publicado em 2012, traz uma vasta lista com nomes de autores de todo o Brasil que abordaram o tema em várias épocas – os potiguares Lauro da Escóssia, Juvenal Lamartine, Câmara Cascudo e Iaperi Araújo são alguns dos citados na obra.


ReproduçãoO Cabeleira, de Franklin Távora

Enquanto “O Cabeleira”, editado pela primeira vez em 1876 e que também vem em versão fac-símile, traz o cangaço para o universo urbano. Contemporâneo de Visconde de Taunay, José de Alencar, Machado de Assis e Joaquim Manoel de Macedo, o cearense Franklin Távora (1842-1888) foi um dos pioneiros do chamado romance regionalista com este romance. O livro, o primeiro registro da literatura brasileira a ter um cangaceiro como personagem central, narra as aventuras e desventuras do cangaceiro José Gomes na cidade do Recife do século 18.

“Ótima leitura para quem aprecia, detesta ou espreita o cangaço”, garante o sebista e editor Abimael Silva.

Serviço: Lançamento dos livros “Quem é quem no cangaço” (R$ 30), de Paulo Medeiros Gastão; “O Cabeleira” (R$ 25), de Franklin Távora; e “Lampeão – sua história” (R$ 25), de Érico de Almeida. Sábado (29), das 9h às 12h, no Sebo Vermelho – Av. Rio Branco, 705, Cidade Alta.
Fonte: Tribuna do Norte

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Polícia do CE entrará em protesto e convoca PMs de todo o país para mudar imagem truculenta

Getty
Tropa de Choque entrou em confronto com manifestante em Fortaleza na última semana

Acabar com a imagem de truculência, sair da sombra do militarismo e acrescentar a segurança pública nas reivindicações. Por tudo isso, a Associação dos Cabos e Soldados Militares do Estado do Ceará (ACSMEC) vai entrar nos protestos da próxima quinta-feira em Fortaleza, antes da partida entre Espanha e Itália, pela semifinal da Copa das Confederações.

O presidente da ACSMCE, Flávio Sabino, convocou os policiais de todo o país para mudarem a imagem de truculência que estão sustentando. Segundo ele, 98% dos soldados é a favor das manifestações que se espalharam por todo o país, mas acabam sendo obrigados a oprimi-las por ordens superiores.

"Qual é a polícia que está sendo vista pela sociedade? A polícia truculenta, que bate e traz a repressão. Mas nós sabemos que ali a grande maioria dos policiais não faz isso de coração, são imposto diante do militarismo a esse tipo de repressão ou desserviço em favor da sociedade e em favor do governo. Recebem ordem arbitrárias de seus comandantes", disse Sabino.

"A sociedade só enxerga a polícia que solta bomba, gás e que corre atrás de manifestantes que estão lutando por direito de todos os cidadãos. Está na hora de a gente se engajar e virar o jogo. Quem não participa da luta, não participa das conquistas", completou.



com manifestantes. A ACSMEC admitiu à reportagem que há policiais infiltrados nas manifestações e o PM que for pego em meio ao protesto pode ser punido.



Desta vez, porém, a participação está confirmada. O objetivo é incluir o tema segurança pública nas pautas das manifestações. "Participei de uma reunião com o pessoal que está a frente do movimento e pude perceber que nenhuma pauta está voltada para a questão da segurança pública. Elas são voltadas para a educação, para a redução do passe livre, para a saúde... Mas por que é voltada para isso? Porque está no perfil de quem está manifestando. Não tem nada para a segurança pública porque os militares não estão participando", explica Sabino.

Além da ACSMEC, mais três presidentes de associações estão confirmados no protesto de quinta-feira: Associação dos Praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros do Estado do Ceará (Aspramece), Associação dos Profissionais de Segurança Pública do Estado do Ceará (Aprospec) e Associação das Esposas dos Praças do Estado do Ceará (Assepec).

Casal é assassinado a tiros no Pajuçara

Fotos: Daniel Morais / Portal BO
Por Sérgio Costa

Duas pessoas foram executadas, na madrugada desta quarta-feira (26), na rua Planície do Cariri, no bairro Pajuçara, zona Norte de Natal. Um homem identificado apenas como Rodrigo César e a companheira dele, que não teve o nome revelado pela polícia, foram forçados a deixarem a residência onde dormiam e ficar de joelhos no meio da rua. Os criminosos atiraram no rosto do casal com espingardas calibre 12.


O duplo homicídio foi praticado por quatro homens que chegaram em um veículo não identificado. O fato foi registrado por volta das 3h, em uma localidade conhecida com "Baixada". Segundo a polícia, o casal morava na residência há seis meses e era motivo de muitos comentários dos moradores, visto que havia uma intensa movimentação de pessoas estranhas no local, principalmente, à noite.

Segundo o major Manoel Kenedy, comandante do 4º Batalhão da PM, as vítimas eram conhecidas de todos como sendo os traficantes mais atuantes da localidade. Eles teriam fugido de outros criminosos e se instalado no bairro. "Recebemos informações concretas que Rodrigo é irmão de um presidiário e que recebia ordens para comandar o tráfico junto com a companheira. Muitas denúncias foram feitas, inclusive, pelos próprios moradores, contra os dois", relatou.

O major ainda disse que os policiais militares encontraram dentro da casa alguns papelotes de maconha e vestígios de consumo de drogas. Os criminosos não foram identificados nem localizados. O crime será investigado no 6º Distrito Policial, localizado no mesmo bairro onde ocorreram as execuções.

 

DIVULGADORES DA TELEXFREE NO RN TENTAM REAVER INVESTIMENTO NA JUSTIÇA

Carro TelexFREE (Foto: Raissa Natani/G1)
Grupo de advogados recebeu 15 clientes que buscam reembolso.
Justiça do Acre bloqueou contas e impediu novos cadastros do Telexfree.
Divulgadores da Telexfree no Rio Grande do Norte estão buscando a via judicial para reaver investimentos após a decisão do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), que manteve nesta segunda-feira (24) uma liminar proibindo os pagamentos e novas adesões à empresa. De acordo com os advogados Alexandre Rêgo, André Araújo, Márcio Maia e Thiago Almeida, 15 clientes já procuraram o escritório deles para tentar garantir o reembolso do dinheiro investido no Telexfree.
"São ações para reaver os valores. Pessoas que investiram até 200 mil e não conseguiram sacar via Telexfree. Os investimentos foram feitos há pouco tempo. No nosso entendimento, isso pode ser feito", explica André Araújo, que recomenda agilidade aos divulgadores que queiram recuperar o dinheiro investido. "A propositura das ações deve ocorrer o quanto antes. Não se deve esperar o mérito do agravo de instrumento que está na Justiça do Acre", afirma.


Desembargador do Acre indeferiu recurso da Telexfree (Foto: Assessoria TJ/AC)

Os advogados relatam que vão ao Acre para analisar o processo por inteiro para entrar com ações que garantam o direito do recebimento dos valores. "Como terceiros nesse processo, os divulgadores possuem esse direito", diz Araújo. De acordo com ele, a decisão do Acre teve efeito de bloqueio para todos os divulgadores do país, que não podem efetuar os saques das contas e cadastrar novas pessoas.
Além dos novos clientes, os advogados são os responsáveis pelos seis processos que tramitam no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) envolvendo a versão brasileira do Telexfree, a empresa de nome Ympactus Comercial LTDA. "São ações que reivindicam direitos dos divulgadores que tiveram contas bloqueadas de forma administrativa ilegalmente", explica o advogado Alexandre Rêgo.
Somados, os divulgadores que entraram com processos na Justiça do RN possuem mais de 200 contas. "A empresa sempre informa que são erros técnicos. Os processos ficam em aberto para que as contas não voltem a ser bloqueadas", explica. De acordo com Alexandre Rêgo, o Telexfree só efetuou os desbloqueios em questão por via judicial até agora. "Quando levamos a petição e tentamos resolver administrativamente, é pedido que se entre na Justiça", informa.
Além das demandas judiciais no RN, os advogados têm atendido clientes de outros estados no desbloqueio de contas. "Conseguimos desbloquear contas de diversos líderes, que possuem até 500 mil contas", contabiliza André Araújo. 
OAB/RN não conhece outros processos
A Comissão de Advogados Trabalhistas da seccional estadual da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RN) não conhece outros processos relacionados ao Telexfree no estado além dos seis que tramitam atualmente no TJRN.
"O único caso diferente é um em que o juiz não reconheceu o contrato como sendo de consumo e remeteu o processo para o Espírito Santo, onde fica a sede da empresa. Mas a tônica é parecida em todos: é dada a tutela para reestabelecer o funcionamento e o cliente continua no negócio, além de ser fixada uma multa diária em caso de descumprimento", detalha o advogado Renato Rodrigues, que preside a comissão.
Rodrigues explica que existe duas vinculações ao Telexfree. Uma é norte-americana e oferece um sistema de telefonia pela internet, o VOIP (Voice Over Internet Protocol). A Telexfree no Brasil seria o nome-fantasia da empresa Ympactus Comercial LTDA, com sede em Vitória, no Espírito Santo, tendo iniciado suas atividades em março de 2012.
A empresa trabalha com marketing multinível, modelo em que ocorre a distribuição de bens e serviços e divulgação dos produtos por revendedores independentes que faturam em cima do percentual de vendas. No entanto, existe a suspeita de que o modelo adotado pela Telexfree seja na verdade o de pirâmide financeira, no qual não haveria foco na venda de produtos ou serviços, e sim na adesão de novas pessoas para alimentar o sistema de pagamento.
"Esse modelo constitui crime contra o sistema financeiro nacional e é vedado no ordenamento jurídico brasileiro. Não se comercializa produto. O viés é a captação de pessoas para haver a somatória de lucro em cima das pessoas que entram nesta corrente", afirma o presidente da Comissão dos Advogados Trabalhistas.
Para Renato Rodrigues, é preciso que a jurisprudência brasileira caracterize a natureza jurídica dos contratos assinados pelo Telexfree. "É preciso saber se é de consumo, de prestação de serviço, de adesão...isso vai ditar as regras e será possível tirar mais conclusões", encerra o advogado.


Fonte: G1/R

DURANTE ABORDAGEM, PM FOI FERIDO NA CABEÇA POR GOLPES DE FACÃO E TEVE DEDOS DECEPADOS. (VÍDEO)


Um policial militar foi ferido na cabeça por golpes de facão na cidade de Cuitegi (PB), na tarde de domingo (23), durante uma abordagem em um bar. Ele teve dois dedos decepados pelos golpes.
De acordo com informações do Portal Mídia, de Guarabira, a guarnição foi acionada para conter uma confusão no estabelecimento comercial. 

Quando os PMs chegaram, foram recebido com violência pelos envolvidos na briga.
Um deles partiu para cima do cabo Nielson com o facão. Na tentativa de se livrar dos golpes, o militar foi atingido na cabeça e teve dois dedos decepados. Ele ainda está internado no hospital.
O acusado de ter agredido o PM foi identificado como “Ronildo” e é ex-presidiário. Ele teria fugido com a pistola do policial.





Mas, É só ‘mais um’...
Exemplos como este são corriqueiros no cotidiano policial e servem para, mais uma vez, explicar por que as polícias devem atuar com precaução, procedimento muitas vezes tachado pela sociedade como ‘truculência’ (“precisa sair da viatura com uma arma na mão?”), "cansei de ouvir isso dos idiotas de plantão".


Na verdade, o elemento que feriu o PM não deveria sequer ter tempo para cometer tal ação. 
Quem avança sobre a polícia com uma arma na mão não é cidadão de bem, é bandido. 
E deve ser tratado como tal.

Fonte: Paraíba em QAP

terça-feira, 25 de junho de 2013

A decisão não determina a extinção da Telexfree', explica juíza

Juíza Thais Borges julgou procedente a medida
cautelar contra a Telexfree
Na última terça-feira (18), a justiça acreana proibiu que a empresa Telexfree realizasse pagamentos e novas adesões. A decisão foi proferida pela juíza titular da 2° Vara Civil da Comarca de Rio Branco, Thais Borges, que julgou procedente a medida cautelar preparatória de ação civil pública, proposta pelo Ministério Público do Estado do Acre (MP/AC) contra a Telexfree.
De acordo com a juíza, a decisão não determina a extinção definitiva da empresa, apenas suspende suas atividades devido ao processo.

"O processo principal se destinará a apurar se isto é ou não uma pirâmide financeira. Se ficar confirmada a tese de que é uma pirâmide financeira, a consequência será utilizar os recursos da empresa para indenizar aqueles divulgadores que tiveram prejuízo. Se a conclusão do processo for no sentido de que não há uma pirâmide financeira, ou seja, que a atividade da Telexfree é lícita, então, será permitida à empresa que retome as atividades normalmente", explica a juíza.

Segundo a magistrada, há indícios de que as atividades da Telexfree podem se configurar em uma pirâmide financeira, e por isso a ação cautelar tem como intenção impedir que a rede cresça.

"A ideia é, primeiro, não permitir que a rede cresça, já que há a possibilidade de que ela consista em uma rede ilícita. E também não permitir que haja a distribuição dos recursos, para que esses recursos sejam futuramente destinados para reparar prejuízos eventuais que algum divulgador possa ter tido", diz.

A decisão proferida pela juíza afeta todo o território nacional, porém, qualquer recurso referente a este processo deve ser encaminhado à justiça acreana.

A assessoria do Tribunal de Justiça do Acre (TJ/AC) informou que os advogados da Telexfree ingressaram com recurso nesta quinta-feira (20), mas que ainda não houve a distribuição para um desembargador. Somente após ser entregue a um dos desembargadores, o agravo de instrumento será analisado.
Sobre a Telexfree

De acordo com a promotora Nicole Gonzalez existem duas empresas chamadas Telexfree. Uma é norte-americana e oferece um sistema de telefonia pela internet, o VOIP (Voice Over Internet Protocol). 

Nesta empresa, o cliente pode comprar o serviço para fazer ligações para telefones fixos e celulares no Brasil e outros 40 países por um pacote de U$ 49 ao mês.
Já a Telexfree no Brasil, seria o nome-fantasia da empresa Ympactus Comercial LTDA. Essa, segundo a promotora, tem sede em Vitória (ES) e atua no Brasil desde março de 2012 e trabalha com marketing multinível.

Segundo as regras da Telexfree brasileira a pessoa que se cadastra como divulgador deve fazer uma postagem diária de anúncios em sites de classificados, divulgando o produto e ganhando uma comissão sobre as vendas. Segundo informações divulgadas no site oficial da empresa, os contratos de divulgação têm validade de um ano e estão classificados em:

ADCentral, de US$ 299, e promete um ganho líquido de US$ 2.295,80; ADCentral Family, tem um custo de US$ 1.375, e ganho líquido de US$ 11.599. O divulgador ganha US$ 20 a cada novo divulgador que conquistar para o plano ADCentral e US$ 100 para o ADCentral Family. Os divulgadores podem ainda cadastrar outras pessoas como divulgadoras criando assim, uma rede.

Fonte: G1
Via Blog de João Moacir

Agente penitenciário que trabalha na Penitenciária Agrícola Mário Negocio é encontrado morto dentro de seu carro no bairro Santa Helena em Mossoró.


A Central de Operações da Policia Militar registrou no final da manhã de terça-feira, 25 de Junho de 2013, mais uma morte violenta em Mossoró.
Ronilson Alves da Silva, 35 anos de idade, agente da Penitenciária Mário Negócio, foi encontrado morto por disparos de arma de fogo, dentro de seu veiculo tipo corsa, placa NOA 2640, no conjunto Santa Helena em Mossoró. No interior do carro foi encontradas algumas cápsulas de pistola.
Segundo informações elementos armados tomaram de assalto uma kombi de um supermercado e disseram ao motorista que usariam o veículo para assassinar uma pessoa. segundo o motorista os elementos usavam fardamento do supermercado. Logo após o assalto a policia foi informada que havia um corpo cravejado de bala dentro de um veiculo abandonado.
A Policia Militar esta no local fazendo o isolamento da área até a chegada da equipe do Instituto técnico e científico de policia que fara a pericia no local e remoção do corpo para a sede do órgão.













Foto e Fonte: O Câmera

COMERCIANTE É MORTO A TIROS EM ANTÔNIO MARTINS NO RN.

Um comerciante da cidade de Antônio Martins conhecido como “Dedé do Bar”, foi morto com vários disparos de arma de fogo, fato registrado durante a manhã desta segunda feira, 24 de junho de 2013, dentro do próprio estabelecimento comercial. De acordo com as primeiras informações, dois elementos não identificados chegaram no comércio de “Dedé do Bar” em uma motocicleta , de arma em punho, e passaram a atirar contra a vítima que faleceu no local. A polícia foi acionada, realizou diligências, mas não conseguiu localizar e prender os criminosos fugiram tomando rumo ignorado pela polícia. O Itep foi acionado fez a perícia no local, e a remoção do corpo para a base em Mossoró, para ser examinado pelo médico legista de plantão, e em seguida ser entregue aos familiares para o sepultamento.


Ferrira Monte

Justiça Acreana mantém suspensão de atividades da empresa Telexfree



O desembargador Samoel Evangelista manteve a liminar da 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco no sentido de suspender as atividades da Ympactus Comercial Ltda. (Telexfree). A medida liminarmente concedida extrapola os efeitos territoriais do Estado do Acre e tem alcance nacional.


O magistrado é relator do Agravo de Instrumento nº 0001475-36.2013.8.01.0000, com o qual os advogados da empresa ingressaram na tentativa de cassar a decisão da juíza Thaís Khalil, titular da unidade judiciária.

Ela já havia determinado na semana passada que a Telexfree não realizasse novos cadastros de divulgadores, bem como impedido que a empresa efetuasse pagamentos aos divulgadores já cadastrados, até o julgamento final da ação principal, sob pena de multa diária de R$ 500 mil.

Os fundamentos da decisão (veja íntegra) concluíram pela forte presença de indícios no sentido de que as atividades da primeira requerida caracterizam-se com "pirâmide financeira", prática vedada pelo ordenamento jurídico, que inclusive a tipifica como conduta criminosa.

Nesse sentido, haveria “urgência em paralisar-se crescimento da rede, como forma de evitar-se seu esgotamento consequentes prejuízos que poderá causar a um sem número pessoas. Para tanto, urge impedir-se novos cadastramentos.”

Em sua decisão, o desembargador Samoel Evangelista também determinou que a empresa deixe de admitir novas adesões à rede, seja na condição de "partner" ou de "divulgador", se abstenha de receber os ditos Fundos de Caução Retomáveis e Custos de Reserva de Posição e de vender kits de contas VOIP 99TeIexfree (ADCentral ou ADCentral Family), sob pena de pagamento de R$100 mil por cada novo cadastramento ou recadastramento.

O magistrado também proibiu a empresa de pagar comissões, bonificações e quaisquer outras vantagens aos "partner’s" e divulgadores, também sob pena de incidência da multa acima estipulada, por cada pagamento indevido.

Também ficaram indisponíveis os bens móveis, imóveis e valores existentes em contas bancárias e aplicações financeiras de propriedade da Telexfree e de seus sócios administradores (Carlos Roberto Costa e Carlos Nataniel Wanzeler), estendendo a decisão, quanto aos imóveis destes últimos, também aos seus respectivos cônjuges.

Para viabilizar o cumprimento da decisão, Samoel Evangelista determinou a expedição de ofícios a todos os Cartórios de Registro de Imóveis de Vitória-ES e Vila Velha-ES (sede da empresa e domicílio dos sócios-administradores), ordenando a anotação de indisponibilidade Nataniel Wanzeler e respectivos cônjuges.

Ainda cabem recursos à decisão monocrática do desembargador Samoel Evangelista.

AGÊNCIA TJAC
GERÊNCIA DE COMUNICAÇÃO - GECOM

segunda-feira, 24 de junho de 2013

CONFIRAM ESSES LINKS E VEJAM ALGUMAS MATÉRIAS SOBRE O TELEXFREE

Seguradora Mapfre afirma que contrato de seguro com a Telexfree é falso



Telexfree é derrotada e continua impedida de fazer pagamentos e novos cadastros


Atenção apenas copio e colo

Logo agora que esse blogueiro ia entrar na empresa, agora o geito é entrar  na Priples.

LEI DE PROMOÇÃO DE PRAÇAS



Reunidos na manhã da última terça-feira, os dirigentes das Associações Representativas de Praças da PM/RN e do CBM/RN discutiram sobre os encaminhamentos da Lei de Promoção de Praças que trâmite na administração do Governo do RN. A proposta foi protocolada junto à Secretaria de Segurança Publica e Defesa Social no dia 26 de fevereiro, chegou à Consultoria Geral do Estado no dia 28 do mesmo mês e à Coordenadoria de Pagamento (COPAG) no dia 7 de março. Somente após 2 meses e meio a COPAG deu a primeira resposta sobre o projeto. Resposta que na realidade foram 13 perguntas, encaminhadas à PM/RN e ao CBM/RN sobre os quantitativos e datas de promoção do efetivo de Praças, assim como a capacidade de realização dos cursos previstos na proposta, por parte da PM/RN e do CBM/RN.

Já à tarde, no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar (QCGPM) ouvimos o Deputado Gilson Moura reiterar o seu apoio em relação à Lei de Promoção de Praças e interesse em contribuir junto ao Executivo Estadual para o trâmite e aprovação da Lei de Promoção ainda no ano de 2013. Na oportunidade o Cel Araújo mostrou o processo com a Lei de Promoção de Praças, com as respostas aos questionamentos elaborados pela Coordenadoria de Pagamento do Governo do Estado (COPAG) a fim de reunir as informações necessárias para a elaboração do estudo de impacto financeiro na folha de pagamento, decorrente da aplicação da Lei de Promoção de Praças. As respostas foram elaboradas com base nos dados fornecidos pela Diretoria de Pessoal da PM (DP), conjuntamente com as Associações Representativas de Praças da PM/RN. O processo seguiu para o Corpo de Bombeiros Militar onde será incorporado o despacho daquele Comando com as informações requeridas pela COPAG.


A proposta da Lei de Promoção de Praças está protocolada sob o número 39668/2013-9. Acesse a página do Governo do Estado, vá em protocolo net e acompanhe o andamento da proposta. 

Fonte: Blog da ABM-RN

Via: Associação de Praças de Mosssoró e Região.

Prefeitura de São Vicente corta alimentação da PM após irmão do prefeito ser preso por embriaguez ao volante

Passado poucas semanas do ocorrido, a Associação do Policiais Bombeiros Militares do Seridó, foi notificada de um ocorrido constrangedor e que trouxe revolta. No dia 10 de maio de 2013, segundo os policiais da cidade de São Vicente/RN, a guarnição composta pelos soldados Hélio e Ubiraci estavam resolvendo uma ocorrência de um som de um carro na praça da cidade, onde o irmão do prefeito e um colega que o acompanhava, se dirigiam para uma festa, mas que na ocasião, estavam com som automotivo de forma abusiva na praça daquela cidade. 
A GU já havia abordado os mesmos e pedido para quebaixassem o som, tendo em vista que lá em São Vicente, o juiz, determinou que som de carro na praça era proibido, por sua vez, o irmão do prefeito, juntamente com alguns colegas estavam descumprindo essa determinação judicial. Quando a guarnição voltou a praça, pelo mesmo motivo, o cidadão citado passou em alta velocidade com o carro pela viatura e aumentou o som tentando demonstrar em que poderiam está acima da lei devido sua influência econômica e política, saindo em disparada, mais sendo interceptados pela viatura que conseguiu pará-los depois que o condutor do veiculo colidiu na viatura da policia.



Na abordagem foi solicitado que os mesmos saíssem do carro onde foram revistados e convocado o trânsito da cidade de Currais Novos, que detectaram embriaguez do irmão do prefeito que conduzia o veiculo. A partir deste momento os Policiais que atenderam a ocorrência relatam que houve tentativa de intimidação com ameaças de transferência e xingamentos aos policiais que estavam cumprindo seu papel constitucional. Para surpresa da Associação e dos policiais, no dia seguinte aos fatos, a prefeitura cortou, sem explicação, a alimentação dos policiais que era subsidiada pela prefeitura local. Perguntando ao presidente, Aderlan Medeiros, sobre quais providencias seriam tomadas, o mesmo informou que “a Associação está alerta para qualquer tentativa de transferência dos policiais da cidade, e que se isso acontecer a justiça será acionada. Quanto a cortar as refeições, a APBMS é contra as Prefeituras fornecerem alimentação aos policiais, justamente por esse tipo de expediente grosseiro e eleitoreiro, mas que diante das circunstâncias, fica obvio a falta de compromisso da gestão municipal com a sua população. A população continua perdendo com a decisão do Prefeito de cortar a alimentação porque os Policiais estão indo se alimentar em Florânia e Currais Novos, deixando assim, a cidade desguarnecida e vulnerável para ações criminosas”. Finalizou Aderlan Medeiros, Presidente da APBMS.

Fonte: APBMS